Festival Cinemato abre inscrições para curta-metragens

Festival Cinemato abre inscrições para curta-metragens

Registro da premiação em 2014; Tatuagem, de Hilton Lacerda, levou vários troféus Coxiponés

Um dos festivais de cinema mais importantes do Brasil, realizado em solo mato-grossense, está de volta! Em sua 20ª edição, o Festival de Cinema e Vídeo de Cuiabá – Cinemato ocorre entre os dias 7 e 12 de abril, com programação online.

Os filmes que concorrem em seis mostras competitivas serão exibidos em salas virtuais. Mas as inscrições estão abertas apenas para a categoria Curta-Metragem Brasileiro. Interessados devem inscrever suas produções até o dia 28 de fevereiro em link específico do site oficial, o www.cinemato21.com.br.

Com o tema “Conexões e Circulações Audiovisuais”, terá ainda seminário homônimo, oficinas de formação e capacitação, debates com os realizadores dos filmes e outras duas mostras especialíssimas que condizem com algumas das principais diretrizes do festival, a democratização do acesso ao cinema e formação de plateia. No caso, a Cinema Paradiso e a Cinema Escola, respectivamente.

Retomada

Há 20 anos Luiz vem atuando pela divulgação do cinema brasileiro e formação de plateia

O realizador do festival, Luiz Borges – que também é cineasta, pesquisador e produtor cultural – celebra a retomada de um dos projetos mais longevos da história da cultura mato-grossense.

“Depois de uma lacuna de seis anos – por conta da ausência do Poder Público – este, que costumava ser um dos eventos mais importantes do calendário cultural de Mato Grosso, está de volta. E quem diria, mesmo em meio a um cenário tão árido do ponto de vista social. Em situação de pandemia, o festival renasce. O verde brota das cinzas”.

O Cinemato volta à cena com incentivo da Lei Aldir Blanc. O projeto foi aprovado em edital realizado pela Secretaria de Estado de Cultura, Esportes e Lazer de Mato Grosso (Secel-MT) em parceria com o Governo Federal, via Secretaria de Cultura do Ministério do Turismo.

O secretário de Estado, Beto Machado, diz que o festival soma em caráter de relevância em meio às centenas de propostas fomentadas pelo auxílio emergencial.  

“Ficamos muito contentes em ver um projeto como este, sendo retomado durante nossa gestão, pois reconhecemos o valor do Cinemato para a população de Mato Grosso. Além de contemplá-la com o acesso a produções atuais do Cinema produzido no Brasil, também prestigia realizadores de nosso Estado”, destacou.

Além das Mostras de Longas-Metragens Brasileiros e Curtas-Metragens Brasileiros, a plateia vai conferir títulos especialíssimos na Mostra de Filmes do Centro-Oeste e de produções que contam com assinatura de realizadores mato-grossenses, em mostra de filmes e outra, de séries.

Segundo Luiz Borges, haverá ainda, a Mostra da Resistência com temas sensíveis e urgentes, a mostra com filmes de homenageados e de Retrospectiva do Cinema em Mato Grosso. Datas e horários de exibição serão divulgados em breve.

A edição 2021 conta ainda com apoio da Assembleia Legislativa Mato Grosso – via Assembleia Social -, da Universidade Federal de Mato Grosso (IGHD/UFMT), Cineclube Coxiponés e Rede Cineclubista de Mato Grosso (REC-MT), Laboratório de Comunicação e Cultura – A Lente e Inca – Inclusão, Cidadania e Ação e produção da Latitude Filmes.

Serviço:

20º Festival de Cinema e Vídeo de Cuiabá – Cinemato

Entre os dias 7 e 12 de abril

Inscrições para realizadores de produções em curta-metragem tem até o dia 28 de fevereiro, às 23h59, para se inscrever.

Formulário online e regulamento disponíveis no site www.cinemato21.com.br

Mais informações pelo e-mail inscricoes.cinemato@gmail.com